Disarme Grafico_exposição O Rio que se queria negar
O Rio que se queria negar é uma exposição itinerante, promovida pela Fiocruz, que traz ao público o acervo fotográfico do antropólogo americano Anthony Leeds.
Nosso desafio foi representar o ambiente das favelas do Rio de Janeiro na década de 1960, objeto de estudo de Leeds, e explorar visualmente seu acervo fotográfico.
Disarme Grafico_exposição O Rio que se queria negar
Disarme Grafico_exposição O Rio que se queria negar
Nossa inspiração principal para criação do projeto da exposição e da programação visual da exposição foi a proliferação orgânica das habitações e as relações de pouca privacidade características das favelas. A todo momento o público era instigado a vivenciar a organização singular das favelas e a observar bem de perto algumas práticas comuns e a falta de estrutura básica desses ambientes.
Disarme Grafico_exposição O Rio que se queria negar
Disarme Grafico_exposição O Rio que se queria negar
Disarme Grafico_exposição O Rio que se queria negar
Disarme Grafico_exposição O Rio que se queria negar, projeto
A primeira montagem da mostra ocorreu no Museu da República, no Catete. Além da parte interna do Museu, intervimos também sua em sua fachada, na calçada frontal e na aleia do jardim principal do Palácio do Catete.
Disarme Grafico_exposição O Rio que se queria negar
Criamos o lettering da exposição com base na forma de organização e adaptação típicas das construções das favelas. Ao passo que o contraste de preto e branco refletem a situação social da época.
Disarme Grafico_exposição O Rio que se queria negar, lettering
A segunda montagem da mostra foi realizada no Museu da Vida, Fiocruz, em 2017.
Disarme Grafico_exposição O Rio que se queria negar
---

O que fizemos: Projeto de exposição; programação visual; gestão executiva e produção.
Para quem: Fiocruz
Quando: 2016
Ficha técnica:
Realização: Ministério da Saúde – Ministro Arthur Chioro; Fundação Oswaldo Cruz – Presidente Paulo Gadelha; Casa de Oswaldo Cruz – Diretor Paulo Elian; Ministério da Cultura – Ministro Juca Ferreira; Museu da República – Diretora Magaly Cabral
Coordenação Geral: Nisia Trindade Lima; Ana Luce Girão; Magaly Cabral; Mario Chagas - Museu da República
Coordenação Executiva: Maria Inês Rodrigues Fernandes - Fiocruz
Curadoria e pesquisa: Nísia Trindade Lima; Ana Luce Girão: Aline Lopes de Lacerda; Rachel Vianna
Consultoria: Elizabeth Leeds – Fórum de Segurança Pública; Licia Valladares – Universidade de Lille
​​​​​​​Arquitetura e Expografia: Marcos Fonseca - Markito
Programação visual e produção: Disarme Grafico
Design: Bruno Ventura
Arte final: Daniel Ventura
Cenografia: Marcelo Pinto Vieira
Cenotecnia: E.A. Eventos
Impressão e Montagem: Fotosfera
Digitalização e tratamento de imagem: Vinicius Pequeno - Fiocruz; Roberto Jesus Oscar - Fiocruz
Teatro de Lambe-lambe: Sérgio Biff

VEJA TAMBÉM

Back to Top